Padre Vander: Pedindo a ajuda de Deus

Reitor do santuário, padre Antonio Vander / Foto: Lucas Colombo/DN
- PUBLICIDADE -

É preciso entender que a vida humana é o lugar que Deus escolheu para agir. Não há nada de extraordinário neste aspecto. Porque tudo pode ser um lugar de revelação.

Da mesma maneira como Moisés ficou encantado com a sarça ardente, nós temos que entender que o tempo todo em nossa vida, nós temos algumas sarças também ardendo diante de nossos olhos. Quais são estas? Os fatos. Os acontecimentos. As dificuldades. As alegrias. As tristezas. Como é que nós podemos nos posicionar entre o ideal e o real? A infelicidade acontece justamente quando eu não consigo concretizar no eu real, o eu ideal.

- PUBLICIDADE -

É assim que Deus age. Nos ajuda a encontrar um equilíbrio para a gente se encontrar e viver em nossa vida esta satisfação de ser quem a gente é.

Para isso a gente pede, para isso a gente reza. A gente sempre pede para que Deus ajude a abrir os caminhos. A gente sempre pede que Ele nos ajude a encontrar a melhor solução. Mas aí vem o conflito: Como é que eu vou pedir se Deus já sabe de tudo? É aí que está a verdade da oração. A oração não precisa ser um texto lógico. É o desabafo que nós fazemos, realizamos diante de Deus confiando a Ele as nossas realidades.

Entregar as orações para Deus é antes de qualquer coisa não abrir mão das responsabilidades que são nossas. De vez em quando a gente insiste em pedir a Deus o que queremos, mas nem sempre aquilo que é melhor para mim, é aquilo que estou desejando.

Antes de pedir a Deus, converse com você mesmo. A oração não é só uma conversa com Deus é também uma oração íntima que você realiza com você mesmo. Às vezes, nós pedimos a Deus o que ainda não refletimos.

A partir do momento que você tem uma meta, se sente abençoado por Deus, porque a vida é uma bênção. Aí venho e faço o que me compete, parece que aquele obstáculo caiu, algo mudou. Algo se tornou diferente.

Eu fui uma pessoa que na vida tive muitos obstáculos, porém, eu nunca deixei de sonhar. E o que eu fiz com o sonho que Deus deixou em mim? Eu quis vencer. Hoje como padre o que eu quero realizar na vida das pessoas é aquilo que eu sei que Deus realizou na minha

É possível. Tudo é possível. Como é bonito ver as pessoas superarem os seus limites. O obstáculo teve que ser um objetivo para a gente vencer, para ir além.

Os obstáculos não vêm para nos destruir. Eles vêm para nos permitir nos conhecer e ir além. Pegando tudo o que é próprio da nossa vida, do nosso contexto, que está aí guardado a sete chaves, é isso que precisa ser cuidado e tomado nas mãos.

Deus nunca dá o que é impossível, ele dá o que é possível.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Redação
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.