Nova Veneza: Felicidade e carreira ganham destaque em seminário

Evento promovido por meio do Simec Mais ocorreu nesta sexta-feira, 15, em Nova Veneza

Foto: Divulgação/Milena Nandi
- PUBLICIDADE -

Nova Veneza

Profissionais de Psicologia e de Recursos Humanos, empreendedores, professores e líderes de equipes do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná estiveram reunidos nesta sexta-feira, 15, em Nova Veneza, para o 1º Seminário “Felicidade, Propósito e Carreira: A felicidade mora aqui!”. Ao longo do dia, ocorreram debates com pesquisadores do Laboratório de Psicologia Positiva nas Organizações e no Trabalho (Lappot) da UFSC e profissionais do Sul do estado com temas que relacionam felicidade à melhoria do profissional e da empresa e como a Psicologia Positiva pode colaborar com pessoas e organizações.

- PUBLICIDADE -

Realizado pelo Simec Mais, um departamento do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Caravaggio (Simec) o evento trouxe como palestrante principal o professor doutor da UFSC e coordenador do Lappot, Narbal Silva, que ainda possui pós-doutorado em Psicologia Positiva nas Organizações, no Trabalho e em outros Espaços de Vida e é escritor de livros e artigos e realiza consultorias referentes ao Comportamento Humano nas Organizações. Narbal é referência na América Latina sobre o assunto.

Segundo ele, seja onde for, no trabalho ou em outros espaços de vida, as pessoas querem ser felizes e não devem abrir mão desse direito. O exercício da criatividade, por exemplo, está ligado a esse estado. Conforme o professor da UFSC, quando se controla alguém no ambiente corporativo, se mata a criatividade. Mas, quando se apoia e incentiva, está se estimulando o processo criativo que leva à inovação, algo tão importante para as empresas e o seu desenvolvimento.

“No ambiente organizacional, liberdade e autonomia quando não acompanhadas da maturidade no trabalho, podem ser perigosas. Maturidade no trabalho requer competência e motivação do profissional. Querer controlar pessoas que têm competência e disposição para realizar aquilo que é atribuído, é um problema, porque elas precisam de emancipação, de movimento próprio para se desenvolverem ao máximo na organização”, afirma o coordenador do Lappot.

Psicologia Positiva

Segundo a pesquisadora do Lappot, Andressa Darosci Ribeiro, no Brasil, temos apenas dez anos de trabalho na área da Psicologia Positiva. Nos Estados Unidos e Europa, esses estudos iniciam na década de 90. Os primeiros pesquisadores a estudarem abordaram a importância da Psicologia estudar sobre as virtudes e fortalezas humanas.

“O trabalho é fonte de autoestima e a base da Psicologia Positiva é a felicidade. Boa parte das pesquisas que encontramos, principalmente no ambiente organizacional com foco professores, encontramos pesquisas que tratavam do mal estar dos docentes. Mas um dos questionamentos que fiz na minha tese foi, que vemos professores com mais de 30 anos de trabalho, queria entender qual o significado de felicidade a partir dessas pessoas que passaram boa parte da vida na mesma carreira”.

Presidente da Fiesc prestigia abertura do seminário 

Segundo o presidente da Fiesc, Mário Cezar de Aguiar, a indústria catarinense é a mais diversificada do país e o Sul do Estado é uma região onde essa diversificação é forte. “Um seminário como esse beneficia a indústria. Quando vemos o sorriso nas pessoas que trabalham, deduzimos que elas estão felizes. E se elas trabalham felizes, produzem mais satisfeitas e melhor”. O evento teve ainda a presença do vice-presidente Regional Sul da Fiesc, Diomício Vidal.

A abertura do seminário teve ainda a presença do vice-prefeito de Nova Veneza, Sérgio Alberto Spilere; do presidente da Câmara de Vereadores do município, César Pazetto; do diretor do Simec, Ney Milanez; do presidente da Coopera, Valmir Rampinelli; e do representante da coordenação da Satc, Rafael Cardoso Cruz.

O evento teve a participação da corte do Carnevale di Venezia, que recepcionou os participantes do seminário, do Grupo Folclórico Ítalo-brasileiro Nova Veneza, que apresentou a coreografia La Bella Ragazza Danza, e da educadora física e emocional Paula Ferreira Nunes.

Evento supera expectativas da organização

Com um público formado por 150 pessoas que atuam diretamente na área, a organização do seminário comemora o sucesso do evento já em sua primeira edição. A gestora administrativa do Simec e uma das organizadoras do evento, Greissi Cauduro, revela que a segunda edição do seminário já tem data marcada: 21 de março de 2020. A escolha da data se deu, segundo ela, pela proximidade ao Dia Internacional da Felicidade (20/3) e por ser em um sábado, possibilitar que os participantes possam desfrutar mais da hospitalidade do município e conhecer melhor os atrativos de Nova Veneza. “O que nos deixa feliz é o evento ter sido tão bem aceito pela região e já termos parcerias alinhavadas para 2020. A Psicologia Positiva é nova e a gente conseguir ter plantado essa semente foi muito gratificante”, afirma.

A psicóloga e uma das organizadoras do evento, Camila Spillere Busarello, comenta que é perceptível o quanto as pessoas estão querendo ser agentes de mudança nos ambientes em que atuam, buscando se conectar ao seu propósito nos lugares em que trabalham. “Antigamente tinha procedimento até de como atender ao telefone. Foi bom durante um período, mas não tinha como trabalhar diferente em um formato pré-determinado. As pessoas precisam criar e o Simec Mais trouxe esse tema justamente para levantar essa discussão e trabalhar a nova era de gestão de pessoas”, comenta.

Programação

O evento abordou os temas com a participação do professor doutor Narbal da Silva e de pesquisadores do Lappot, que apresentaram seus estudos na área de Psicologia Positiva nas Organizações e no Trabalho: “Liderança Autêntica, Positiva e Criatividade no Ambiente de Trabalho”, com Amilton Bento e Samara Furlanetto; “Flow, Sentido e Felicidade no Trabalho”, com Cristiane Budde e Andressa Darosci Ribeiro; “Esperança, Propósito, Resiliência e Realização Profissional”, com Thaís Farsen e Tiago Fernandes Oliveira.

A mesa-redonda “Felicidade no Trabalho”, teve a presença do coordenador do Lappot e de profissionais de Psicologia do Sul catarinense: Camila Spillere Busarello, Juliana Mendes e Marina Martins.

O 1º Seminário “Felicidade, Propósito e Carreira: A felicidade mora aqui” foi uma realização do Simec, por meio do Simec Mais, que contou com o apoio do Sistema Fiesc, Coopera, Gráfica Pioneira, Satc, Jornal Diário de Notícias, portal DN Sul, Dois Toque, Técnica Verde, Hotel Bormon, Coofanove e La Casa del Cioccolato.

Simec Mais

Simec Mais é um serviço adicional que o sindicato oferece para empresas associadas e não-associadas como consultoria, eventos e treinamentos que visam o desenvolvimento humano e organizacional.

O Simec foi fundado em 1994 por empresários do setor da região, em busca de um melhor desempenho do segmento, um dos grandes responsáveis pelo desenvolvimento do Sul. O Simec é vinculado ao Sistema Fiesc.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Nova Veneza

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.