Criciúma: Caso de febre chikungunya está em análise

Mulher apresentou sintomas após retornar do Rio de Janeiro. Exame particular deu positivo, mas resultado ainda não foi confirmado pelo Lacen

- PUBLICIDADE -

Criciúma

Está sob análise um possível caso de febre chikungunya em Criciúma. A paciente, uma mulher de 34 anos, apresentou os sintomas após retornar do Rio de Janeiro. Segundo o gerente regional de Saúde de Criciúma, Fernando de Fáveri, um exame realizado em laboratório particular deu positivo para a doença. Entretanto, ainda não há a confirmação oficial pelo Estado, pois não está pronta a análise feita pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen).

- PUBLICIDADE -

Conforme o gerente, o caso é acompanhado pela equipe da Vigilância Epidemiológica de Criciúma. “Se comprovado pelo Lacen, acreditamos que foi contraído no Rio de Janeiro. A mulher foi medicada, está em casa e não há risco de transmissão de pessoa para pessoa. A única maneira que pode ocorrer a transmissão é se o mosquito Aedes aegypti picá-la, pois aí ele pode virar transmissor”, explica.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.