Tigre: Técnico orgulhoso com o desempenho

Ele se disse satisfeito de ser treinador do Criciúma devido à atitude dos jogadores na partida desta terça-feira

Foto: Daniel Búrigo/Tribuna de Notícias
- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Pelotas

- PUBLICIDADE -

Feliz e satisfeito. Assim se apresentou o técnico Gilson Kleina na coletiva pós-jogo. Ele se disse orgulhoso de ser treinador do Criciúma devido à atitude dos jogadores na partida de ontem. “A equipe teve muitos fatores positivos, mas o que mais me deixou feliz foi a atitude do grupo. Fico orgulhoso hoje de ser treinador do Criciúma e de ver esses jogadores fazerem aquilo que a gente vem trabalhando. A gente colocou que parece que estamos fazendo tudo ‘só por fazer’, mas não: a gente se dedica, estuda e estamos tendo uma entrega muito grande dentro do clube”, comentou o treinador.

A posição ainda não é aquela que o técnico quer para o time, mas ele acredita que os jogadores entenderam o espírito da Série B. “Os resultados não estavam vindo e a gente sai satisfeito hoje pelo jogo. Não estamos contentes pela posição, mas do jeito que vinha era preocupante. Conversamos muito com eles e acredito que assimilaram o espírito da Série B. Essa vitória vai nos valer uma nova postura para a sequência depois da pausa para a Copa América”, pontuou Kleina.

Uma nova conversa, no último domingo, norteou a postura para o jogo em Pelotas. “A gente dentro de casa, mais uma vez, deixou escapar uma vitória que era de suma importância para as nossas pretensões. Agora tínhamos que buscar fora e isso é sempre mais difícil. Enfrentamos uma equipe  que estava muito confiante e frisamos isso na palestra. Eles vinham de três vitórias seguidas e tínhamos que segurar o ímpeto deles. E como faz isso? Brigando pela primeira, segunda e terceira bola. Tinhamos que competir e pressionar com a linha e a bola alta”, finalizou Kleina.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.