- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Fotos: Lucas Colombo

Atacante vive de gols. Um dos clichês mais populares do futebol foi respondido com propriedade por Reis, apresentado oficialmente pelo Criciúma, na tarde desta quarta-feira, na Sala de Imprensa Clésio Búrigo do estádio Heriberto Hülse. “Minha meta é de, no mínimo, 10 gols. É uma meta minha, mas vai depender de muito trabalho. Creio que os gols vão sair naturalmente”, respondeu o atacante, sem fugir da pergunta.

Ex-jogador do Vila Nova, com passagem pelo Boa Esporte, em 2017, Reis também se destaca pela velocidade pelos lados do campo e se considera um bom cobrador de bolas paradas. “Sou um jogador de velocidade e tenho aproveitamento de bolas paradas muito bom. Venho me destacando muito nisso na Série B. Posso ajudar os companheiros aqui com assistências e gols”, comentou.

Apesar da meta de gols traçada para o ano, Reis sabe que precisa ajudar a equipe de outras maneiras em campo. “Nós que jogamos como ponta, temos a responsabilidade de marcar muito. Acompanhar o lateral, como se fala, e aqui não vai ser diferente. Temos que atacar, mas ter um time compacto”, enfatizou.

O jogador expõe a preferência de onde atuar. “Eu vinha jogando pela ponta esquerda, aberto, então aqui o professor Doriva me deixa à vontade para jogar e creio que não vai ser diferente. Essa é a posição que me sinto bem, caindo pelo meio também e ele me deu essa liberdade”, finalizou.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.