- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O sinal amarelo está ligado para o Tigre e os números provam isso. Os comandados de Doriva fizeram apenas três gols no ano – Reis, Ceará e Sandro são os autores. É o segundo pior ataque do estadual, à frente apenas do Metropolitano – adversário de amanhã, às 17 horas, que está na zona de rebaixamento.

Além do mau desempenho no ataque, na defesa, o time foi vazado sete vezes. O número é idêntico ao que o time apresentou nos seis primeiros jogos do ano passado – quando a equipe era comandada por Lisca. O cenário de 2018, entretanto, era ainda pior: o Tigre tinha apenas quatro pontos somados, com uma vitória, um empate e quatro derrotas.

Com uma semana completa para trabalhar, o técnico do Criciúma fez trabalhos específicos para os dois setores na quarta. Na parte ofensiva, Pedro Bortoluzo tem sido questionado pela torcida e pela imprensa, mas é defendido por Doriva. Ainda assim, o treinador espera um reforço mais “cascudo” para disputar a posição. Os nomes de Lucão, que já esteve no clube, em 2017, e Elton, que seguiu para o Sport, chegaram a ser cogitados, na pré-temporada, mas não foram contratados.

Na zaga, agora sem Nino, que foi emprestado ao Fluminense, Derlan e Federico Platero, podem estrear. O uruguaio é o favorito para ser titular no confronto de amanhã. Doriva ainda tem a volta de Sandro, que cumpriu suspensão na derrota por 3 a 0 no clássico diante do Avaí. “Temos que apertar ainda mais o cerco. Precisamos marcar na frente, meio e atrás. Todos os setores. Não tem como pegar só um lado. No ano passado, ‘fechamos a casinha’ desde lá da frente. Agora, temos que implementar esse método mais ainda. O Catarinense é bem acirrado, as equipes se preparam até mais que a gente. Eles já começaram em novembro, então temos que fazer a nossa parte para vencer e minimizar a margem de erros”, enfatizou o zagueiro Sandro.

Os seis primeiros jogos do Criciúma

          2018                                     2019

3 gols marcados               3 gols marcados

7 gols sofridos                  7 gols sofridos

Uma vitória                       Duas vitórias

Um empate                      Nenhum empate

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.