Criciúma: Tênis de mesa decepciona no Vale

Equipe de Criciúma obtém resultados abaixo do esperado na terceira etapa do Circuito Estadual. Treinador busca mais informações sobre os adversários

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Com nove medalhas conquistadas, a delegação da Fundação Municipal de Criciúma (FME)/Sociedade Recreativa Mampituba representou a cidade na terceira Etapa do Circuito Estadual de Tênis de Mesa. A competição foi realizada em Pouso Redondo, no Vale do Itajaí.  Os resultados não satisfizeram o treinador Alexandre Ghizi. “Continuamos com alguns jogadores fortes, mas, em especial, nessa competição e, em Brasília, com alguns atletas paralímpicos, a gente não foi muito bem. Eu esperava um desempenho melhor, mas a gente continua trabalhando para o futuro. Sabemos que, ainda nesse ano, teremos dificuldades por ter reformulado a equipe”, comenta.

A equipe criciumense teve alguns desfalques na competição e Ghizi já esperava um resultado abaixo do esperado. O foco do projeto é no futuro. “A equipe é nova, trocamos bastante nomes, e estava reduzida, mas, mesmo assim, a gente poderia ter ido melhor. Nós sabíamos que não conseguiríamos ficar entre as três melhores equipes, estamos focados no futuro, em corrigir, para ter uma equipe vitoriosa. Algo que já conseguimos no passado”, ressaltou.

Mesmo com os atletas que não estavam na competição, Ghizi acredita que o desempenho não seria muito melhor. “Nós estávamos desfalcados, alguns jogadores tinham compromisso de trabalho. Então não puderam nos acompanhar. Isso poderia ter nos dado mais algumas medalhas, mas não muito mais do que isso”, pontuou.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.