Balneário Rincão: Encontro histórico agita o surfe

Gerações de surfistas de varias cidades se reunem para celebrar o esporte e a amizade, em um evento inédito que promete se tornar tradição na região

- PUBLICIDADE -

Balneário Rincão

Surfistas de várias idades atenderam o chamado e marcaram presença em Balneário Rincão, fazendo do Encontro de Gerações do Litoral Sul Catarinense um grande sucesso – logo na primeira edição. Atletas, ex-atletas, freesurfers e empresários da região se reuniram na estrutura exclusiva montada na praia para relembrar histórias e momentos vividos dentro do surfe e em todo o universo que cerca o esporte.

- PUBLICIDADE -

A confraternização começou com a competição no sábado, premiando o melhor somatório do dia entre todos os participantes. Mesmo com a entrada do forte vento sul, no meio da tarde, que obrigou a organização a paralisar o evento, 11 baterias foram realizadas. Jêronimo Zaniboni aproveitou a melhor hora do dia, achando duas esquerdas que lhe valeram o título do campeonato.

Também foram premiados o vencedor na Longboard, com o título ficando para Alexandre Porto, e os surfistas mais jovens do evento,  que não teve divisão por categorias. Levaram os prêmios Isaac Francisco, de 7 anos e Bruno Pescador de 15.

Além dos belos troféus estilizados pelo artista local Bruno Álvares, o dois vencedores ganharam o direito de surfar a Laje de Jaguaruna, no próximo swell, com o suporte da equipe Atow-Inj, premiação oferecida na hora pelo big rider, Thiago Jacaré. “Na verdade, o campeonato é apenas mais uma atração dentro do evento, que tem o intuito de reunir essa galera. O resultado é o que menos importa nessa competição, onde todos são vencedores”, comentou Ricardo Martins, promotor e organizador do evento na região sul de Santa Catarina.

A segunda parte do Encontro de Gerações Sul Catarinense teve a festa oficial de encerramento, que reuniu grandes personagens do esporte no Posto Beer. Empresários da região, além do deputado estadual e também surfista Luiz Fernando Vampiro, foram alguns dos nomes homenageados desta primeira edição.

No grupo dos atletas, estiveram presentes na festa o ex-top mundial do WCT, Marco Polo, que iniciou a carreira como competidor em Balneário Arroio do Silva, o veterano Carlos Santos (Imbituba), Thiago Jacaré (Jaguaruna) e Rodrigo Farias (Balneário Rincão). “Pra mim é uma honra ser lembrado num evento bacana como esse, reunindo pessoas que tem uma longa história no surf. Estão todos de parabéns pela organização e iniciativa, e no próximo estarei aqui novamente”, declarou Carlos Santos, campeão catarinense profissional de 1992, e que também competiu no circuito mundial da extinta ASP nos anos 80.

Um dos momentos marcantes da noite foi a homenagem feita “in memorian” para o local Alexandre Gaidzinki, um dos melhores surfistas do estado nos anos 80 e 90. Ele disputava os circuitos amadores de Santa Catarina e, na época, fazia frente a nomes em ascensão, como Teco Padaratz.  Gaidzinki morreu em abril de 2003, quando praticava caça submarina na Laje de Jaguaruna, local em que foi um dos desbravadores. Quem subiu para receber a homenagem foi o filho, Arthur Gaidzinski, que fez um discurso emocionado diante de um grande público. “Foi demais esse Encontro de Gerações Sul Catarinense. Está todo mundo perguntando quando será o próximo, e, com certeza, tem tudo para virar tradição todos os anos. Agradeço aos patrocinadores que apoiaram e a dedicação de cada um para que tudo saísse perfeito”, declarou Martins, promotor do encontro.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.