Quarta maior economia da Amrec, carvão ganha campanha de valorização

 Iniciativa é da Ferrovia Tereza Cristina (FTC), e visa desmistificar e mostrar novo momento da exploração do mineral

Foto: Daniel Búrigo/TN
- PUBLICIDADE -

Marciano Bortolin

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Carvão Mineral é Natural, Atual e Essencial. A campanha idealizada ontem pela Ferrovia Tereza Cristina (FTC), busca desmistificar e deixar de lado o que de negativo se fala do mineral, grande contribuinte da economia do Sul do Estado. O projeto foi lançado ontem na Associação Empresarial de Criciúma (Acic) e ganhará as ruas a partir de amanhã.

O diretor-presidente da FTC, Benony Schmitz, esclarece que a intenção é dissociar a imagem do carvão das práticas inadequadas registradas em anos passados. “Desde 1990, quando a região passou por uma crise muito forte, observamos um grande ataque ao setor carbonífero, e com razão, porque tivemos práticas lamentáveis. Mas, em contraponto, vimos que algumas empresas evoluíram muito, mesmo assim vimos que os ataques permaneciam e isso nos causava desconforto”, cita.

O diretor ressalta que mudou-se a forma de extrair o mineral, diminuindo consideravelmente a agressão ao meio ambiente. “Hoje as técnicas de exploração são muito melhores e muito superiores ao que foi lá atrás. Não queremos ter a verdade absoluta, vamos ver os dois lados da moeda. Como que pode uma região de certa forma virar as costas a uma dádiva da natureza. O carvão é um primo do petróleo. Porque o petróleo é tão importante e o carvão não é?”, questiona.

O carvão está em toda parte

O presidente da Associação Brasileira de Carvão Mineral, Fernando Zancan, enfatiza que o carvão precisa ser valorizado também porque é presença constante na vida das pessoas. “Ele está nos carros, no cimento das casas e em diversos produtos de ponta. Além disso, o carvão é importante para o planeta, principalmente para países em desenvolvimento como o Brasil. Hoje temos o conceito de sustentabilidade, que não é somente meio ambiente, mas também emprego, geração de renda. Por isso esta iniciativa da FTC é importante, pois valoriza e informa as pessoas”, relata.

* A reportagem completa você confere no Tribuna de Notícias desta terça-feira, dia 14.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Marciano Bortolin
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.