DIC identifica homem assassinado no sábado, 12, em Criciúma

O corpo, que foi encontrado no Bairro Operária Nova, é de Wilson Aguiar de Souza, de 43 anos

- PUBLICIDADE -

Matheus Reis

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O homem que foi encontrado morto após ter sido, possivelmente, agredido e atropelado intencionalmente, na madrugada de sábado, 12, foi identificado. O corpo, que foi encontrado no Bairro Operária Nova, em Criciúma é de Wilson Aguiar de Souza, de 43 anos.

De acordo com o delegado da Divisão de Investigação Criminal (DIC) Yuri Miqueluzzi, que está à frente dos trabalhos investigativos, Souza possui uma única passagem policial por lesão corporal, contudo, ela é antiga. “Nós trabalhamos durante esta segunda-feira para buscar indícios. Contudo, ele não possuía uma vida criminosa, os crimes não eram recorrentes. Já possuímos algumas informações, porém só vamos informar quando o crime for elucidado”, esclarece Miqueluzzi.

Relembre o caso

A guarnição da Polícia Militar foi acionada por volta das 4h de sábado, depois que populares ouviram um forte barulho. Ao chegar no local, os policiais já se depararam com o homem em óbito, que foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Criciúma.

Este é o 4º homicídio registrado em Criciúma somente em 2019 e o 5º na Região Carbonífera (Amrec).

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.