Criciúma: Fashion Revolution inicia com hasteamento de bandeira

Alunos do curso de Design Moda do Senai/Unesc confeccionaram peça com retalhos para simbolizar semana de conscientização sobre ciclo produtivo da moda

- PUBLICIDADE -

Construída por pedaços de retalhos confeccionados por mais de 120 alunos do curso de Design de Moda da Unesc/Senai, a bandeira do Fashion Revolution carrega mais do que identidade visual única. Ela simboliza a conscientização dos estudantes sobre questionamentos relacionados ao ciclo produtivo da moda.

“É um tema que envolve questões de responsabilidade social e ética, entre outras muito importantes para o mundo da moda e a sociedade como um todo”, explica a coordenadora do curso, Charlene Vicente Amâncio. Portando, cada pedaço de retalho usado na construção da bandeira simboliza o sentimento do aluno responsável, além de seus questionamentos sobre os deveres sociais e éticos da moda. “Todos os alunos contribuíram para a produção e ajudam no movimento Fashion Revolution”, completa.

- PUBLICIDADE -

O Fashion Revolution é um evento mundial que busca conscientizar a população sobre como as roupas utilizadas no cotidiano são produzidas. “É importante que todos conheçam o caminho da moda até o armário”, alerta a coordenadora. “Assim, pode-se diminuir a falta de ética, meios de produção que poluem e até mesmo as questões sociais, como geração de empregos justos e com boas condições aos que trabalham na confecção de roupas”, finaliza Charlene. Entre mesas redondas, confecção de itens visuais e bazar de roupas, as atividades seguem até o dia 26 de abril.

Confira o cronograma completo do Fashion Revolution:
23/04 – campanha “quem fez minhas roupas”
24/04 – 19h- mesa redonda com Larissa Moraes e mesa redonda Denim Day – ambas no Senai
25/04 – 10h- (RE) Bazar no Senai
26/04 – (RE) Bazar na Unesc

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.