Criciúma: Desmoronamento em terreno privado

Como está em um terreno privado à canalização do afluente do Rio Criciúma não pertence mais ao município

Foto: Tairini Marcelino
- PUBLICIDADE -

A canalização do afluente do Rio Criciúma que caiu ontem no fim da tarde no estacionamento privado de um supermercado, localizado no bairro São Luiz, o local está isolado pelo Corpo de Bombeiros de Criciúma.

Segundo a Secretária de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbano da Prefeitura de Criciúma, Kátia Smielevski, como está em um terreno privado à canalização do afluente do Rio Criciúma não pertence mais ao município. “O supermercado tem o alvará de funcionamento e ali está a parte do estacionamento também. O que temos é o uso indevido de um terreno e que coloca em risco a vida dos clientes”, lembra a secretária.

- PUBLICIDADE -

Mais informações na edição desta sexta-feira, 12, do Diário de Notícias

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Tairini Marcelino
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.