Carlos Moisés é empossado governador de Santa Catarina

Sessão solene ocorre na tarde desta terça-feira, 1º, na Alesc, em Florianópolis

Foto: Agência Alesc/Divulgação
- PUBLICIDADE -

Matheus Reis

Florianópolis

- PUBLICIDADE -

Estão oficialmente empossados o governador de Santa Catarina Carlos Moisés da Silva (PSL) e a vice-governadora do Estado Daniela Reinehr (PSL). A programação de posse, que ocorreu na tarde desta terça-feira, 1º, iniciou na Catedral Metropolitana de Florianópolis com um culto ecumênico. Já na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), uma sessão solene comandada pelo presidente da Alesc Sílvio Dreveck (PP) marcou a assinatura do livro de posse e do juramento e Carlos e Daniela.

O governador discursou ressaltando o reconhecimento da eficiência que Santa Catarina possui e frisou que está é uma das bandeiras da gestão que iniciou ontem. Moisés relembrou, ainda, grande parte das promessas que fez durante a campanha eleitoral de 2018, enaltecendo que buscará fazer mais com menos. “Sabemos que vamos trilhar um caminho cheio de desafios, mas nosso governo será reflexo dos catarinenses: ágil, inovador e eficiente. A partir de agora, técnicos especialistas estarão comandando áreas específicas e aqueles que tinham vozes desfocadas serão ouvidos. Já vemos o brilho nos olhos dos servidores públicos, que estão conhecendo esta nova forma de administrar o Estado”, aponta.

Criatividade para governar

Carlos Moisés lembrou que nunca a criatividade do catarinense foi tão necessária como nestes tempos. O governador acrescentou que há uma previdência a ser equacionada e uma folha a ser fracionada, além de uma receita que precisa ser aumentada. “Precisamos gastar menos, sim, mas precisamos também gastar melhor o que se arrecada. A mensagem foi muito clara dos eleitores: eles querem mudança. A sociedade espera uma Santa Catarina boa não para quem governa, mas para todos que vivem aqui. Sem exceção”, disse.

Eficiência do poder privado

O Governo do Estado passará por uma grande reforma. Esta também é uma das bandeiras defendidas por Moisés desde a eleição. No discurso de posse ele realçou que um grande planejamento será feito para que a máquina pública possa ter a eficiência que o poder privado, sobretudo as indústrias catarinenses, possuem. “Não podemos esquecer do objetivo principal: serviços públicos de qualidade em saúde, educação e segurança pública. É tempo de plantarmos boas sementes e a colheita, não tenho dúvidas, será do tamanho da expectativa do cidadão catarinense”, garantiu o novo governador.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.