SAER de Criciúma transfere menina para ser transplantada

A jovem de 15 anos corria risco de morte se não fosse levada urgentemente até Jaraguá do Sul

Divulgação SAER/Facebook/DN

- PUBLICIDADE -

Matheus Reis/Especial

Uma menina de 15 anos foi transferida com urgência de Criciúma para Jaraguá do Sul pelo helicóptero do SAER (Serviço Aeropolicial da Polícia Civil), na manhã desta quinta-feira (15), a pedido do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). A jovem, que sofre gravemente de doença hepática, corria risco de morte se não fosse transportada rapidamente para a cidade do Norte do Estado.

- PUBLICIDADE -

Segundo o delegado e piloto do SAER Rodrigo Martinez, ela é a número um da lista de transplantes de fígados no Brasil. “Ficamos muito felizes em poder salvar mais esta vida. Mesmo em condição grave, ela chegou em estado regular em Jaraguá e deve receber o fígado logo”, informou Martinez.

Convênio deve unir SAER E SAMU

Um dos grandes desejos do SAER em Criciúma é o convênio com o SAMU por meio do SARA (Serviço de Atendimento e Resgate Aeromédico), como já acontece em Chapecó, no Oeste. Desta forma, de acordo com o delegado Martinez, o SAER contará com apoio constante de médicos dentro da sua base. “A amplitude do serviço irá aumentar muito. Hoje conseguimos atender bastante ocorrências, como no caso desta menina, mas o serviço irá melhor muito e a consequência serão vidas salvas”, destacou.

A expectativa é que este convênio seja firmado ainda em 2018.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.