- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Goiânia

- PUBLICIDADE -

Uma partida dificílima, assim se apresenta o desafio desta noite para o Criciúma, diante do Goiás, na capital goiana, às 20h30min. Com uma sequência de quatro vitórias e um empate, em cinco partidas, o Esmeraldino saiu da zona de rebaixamento e já aparece na 11ª posição. Com um investimento alto em reforços, o time do Centro-Oeste tem uma das maiores folhas salariais da Série B. Esse é o tamanho da missão do Tigre hoje. “O Goiás veio apostando tudo porque, se eles não subirem esse ano, vai cair muito a receita. Por isso, contrataram jogadores de nível de Série A, mas, dentro do campo, é aquela velha história: 11 contra 11. Série B não é campeonato de Série A e a gente espera fazer um grande jogo e conseguir um grande resultado lá. Mesmo com esse potencial todo que o Goiás tem”, explicou o técnico Mazola Júnior.

Será também o encontro do comandante carvoeiro com Ney Franco. Eles são amigos pessoais há 18 anos e se conhecem muito bem. “Tenho uma amizade muito grande e um respeito muito grande por esse grande treinador. Além do investimento que o Goiás fez com o campeonato em curso. Uma situação desproporcional, no meu modo de entender. Não pode, em uma competição como a Série B, ter duas equipes com diferenças orçamentárias que tem. Isso possibilitou crescimento ao Goiás, pela estrutura, que eu conheço bem – já trabalhei no grande rival deles”, comentou.

Mazola também lembra da partida em que foi auxiliar de Ney. O fato aconteceu em 2002, quando ambos estavam no Cruzeiro. A partida contra o Palmeiras terminou em 1 a 1 e deu inicio à grande amizade. “O Ney fez um jogo antes do Vanderlei (Luxemburgo) assumir. O diretor do Cruzeiro na época, Eduardo Maluf, pediu para que eu ficasse mais uma semana no clube para ajudar o Ney nessa transição. Eu estava indo para o Japão. Desde lá, temos uma amizade muito grande. O Ney era treinador dos Juniores do Cruzeiro e eu frequentava a base. Hoje estamos na mesma turma da CBF, vamos nos formar no curso Pró”, ressaltou.

Campeonato Brasileiro – Série B – 15ª Rodada

13/07 (sexta-feira) – 20h30min – estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia/GO

GOIÁS

Marcos; Alex Silva, David Duarte, Victor Ramos e Ernandes; Gilberto, Giovanni e Renato Cajá; Felipe Gedoz, Lucão e Michael. Técnico: Ney Franco

CRICIÚMA

Luiz; Sueliton, Nino, Fábio Ferreira e Artur; Liel, Eduardo, Marlon Freitas, Luiz Fernando e Élvis; Vítor Feijão. Técnico: Mazola Júnior

Arbitragem: Wanderson Alves de Sousa; Auxiliares: Ricardo Junio de Souza e Magno Arantes Lira (trio de MG)

Atletas Relacionados:

Goleiros – Luiz e Júnior Belliato

Laterais – Sueliton e Artur

Zagueiros – Nino, Fábio Ferreira e Jacy Maranhão

Volantes – Liel, Eduardo, Marlon Freitas, Jean Mangabeira e Ralph

Meias – Luiz Fernando, Elvis e Alex Maranhão

Atacantes – Vitor Feijão, Andrew, Nícolas e Kalil

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.