- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O Campeonato Catarinense está afunilando. Com a proximidade da reta final, o mando de campo se faz cada vez mais importante para que os times conquistem os três pontos. Na sexta-feira, o Criciúma recebe o Brusque e o atacante João Paulo não pensa em outro resultado que não seja a vitória. “Acho que contar vitória é difícil hoje no futebol. Está todo mundo muito bem, e muito nivelado. Não da para contar vitória tão cedo. Vai ser um jogo bom, dentro de casa e queremos a vitória, não tem alternativa. Não tem empate. Vamos atrás da vitória”, pontuou.

Além do Brusque, o Tricolor Carvoeiro ainda recebe o Inter de Lages e o Hercílio Luz. Fora de casa, os desafios serão contra o Avaí e o Joinville. O Tigre precisa somar pontos para fugir da zona de rebaixamento. “Aqui dentro de casa precisamos vencer. É o que a gente pensa, é o que a gente quer. Todos os jogos aqui precisam ser de três pontos para nós e fora também vamos buscar resultados”, comentou o atacante.

A adaptação em uma nova posição

No esquema 4-2-3-1, João Paulo é um dos três meias ofensivos. Atacante de origem, ele está se adaptando à função e acredita que ainda tem muito a crescer no setor. “É só o começo, ainda estou me adaptando na posição que o professor tem pedido para mim. Estou pegando jeito e tem muito mais pela frente. Agradeço todo o carinho da torcida”, disse.

Na partida diante do Atlético Tubarão, João Paulo atuou mais pela esquerda, enquanto Maílson ficou na direita, a inversão aconteceu por opção do técnico Argel Fucks. “Foi opção mesmo. O Argel passa toda confiança para a gente. Ele é um excelente cara, eu nunca tinha trabalhado com ele, mas admiro muito o trabalho dele e tem me ajudado bastante. No jogo, foi porque o lateral desce bastante e eu fui ajudar o Eltinho”, finalizou.

Nesta segunda-feira, o grupo de jogadores se reapresentou o CT do clube. Os titulares fizeram um treino regenerativo, enquanto os reservas, comandados por Argel e pelo auxiliar Galeguinho, disputaram um coletivo diante do time Sub-20. O time reserva começou a atividade com: Vinícius; Carlos Eduardo, Christian, Jacy Maranhão e Andrew; Bessa, Chico e Alex Maranhão; Luiz Fernando, Lucas Coelho e Matheusinho. Reforçaram a equipe Sub-20 os atacantes Kalil e Siloé. Na terça-feira, o grupo de jogadores trabalha a partir das 9 horas e folga à tarde.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.