Professores realizam ato contra o fim de ACTs na educação especial

Mobilização ocorre nesta quinta-feira, 22, na Grande Florianópolis, para cobrar do Estado o lançamento do edital para 2019

Imagem ilustrativa | Foto: Lucas Colombo/Arquivo/DN
- PUBLICIDADE -

São José

Professores de todo o estado estarão reunidos nesta quinta-feira, 22, na Grande Florianópolis, em um ato para cobrar do governo catarinense a manutenção de vagas de Admitidos em Caráter Temporário (ACTs) para a educação especial. A mobilização ocorre a partir das 14h, em frente à sede da Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE), e é organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Santa Catarina (Sinte/SC). Da Região Carbonífera, mais de 40 profissionais devem integrar a ação.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o Sinte, o ato é motivado pela postura do governo em não publicar o processo seletivo para temporários na educação especial e segundo professor em 2019. A justificativa alegada para o cancelamento do edital seria corte de gastos por parte do Estado.

Na região, há aproximadamente 290 ACTs na educação especial e cerca de 370 alunos.

Confira a reportagem completa na edição desta quinta-feira, 22, do jornal Diário de Notícias. 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.