Criciúma: Unesc sedia seminário sobre Rotas tecnológicas de Resíduos Sólidos

O evento aberto ao público ocorrerá na segunda-feira, 19, das 13h30 às 17h

- PUBLICIDADE -

Criciúma

O Auditório Edson Rodrigues, na Unesc, recebe, na segunda-feira, 19, o Seminário “Rotas tecnológicas de Resíduos Sólidos adequadas ao contexto Brasileiro”. O evento aberto ao público ocorrerá das 13h30min às 17h e terá como foco a discussão de soluções para tratamento adequado aos resíduos sólidos urbanos no contexto do Brasil. A atividade é promovida pelo PPGCA (Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais) da Unesc, por meio do projeto Coleta Seletiva Solidária, com apoio da FUNDAI (Fundação Municipal do Meio Ambiente de Içara).

- PUBLICIDADE -

O Seminário contará com três atividades em sua programação, sendo a primeira delas a palestra “Rotas Tecnológicas em Tratamento de Resíduos Sólidos”, com o professor doutor Geraldo Antônio Reichert. O segundo momento terá como tema a “Compostagem: Desafios da valorização regional da fração orgânica dos resíduos urbanos e industriais”, sob direção do professor mestre Marco Aurélio Salvaro de Souza. Por fim o evento contará ainda com uma Roda de Conversa com o tema “Situação regional e perspectivas de cenários futuros”.

Conforme o professor Mário Ricardo Guadagnin, a atividade reunirá participantes de outras fundações municipais de Meio Ambiente da região. “Eles estarão juntos para discutir o contexto da gestão e gerenciamento de resíduos sólidos urbanos com a participação e inclusão social produtiva de catadoras e catadores”, destacou.

Entre as questões a serem discutidas no encontro, de acordo com o professor, estão quais soluções tecnológicas são mais adequadas para a nossa realidade e quais os arranjos tecnológicos são necessários para assegurar a inclusão social produtiva de catadoras e catadores organizados em associações e cooperativas que efetivamente consolidem a coleta seletiva de materiais recicláveis ampliando a cadeia de reciclagem, por exemplo.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.