Governo autoriza aumento do volume de biodiesel no óleo diesel

Com a medida, Ministério de Minas e Energia afirma que produção brasileira se consolidará como uma das maiores do mundo e deve alcançar 10 bilhões de litros até 2023

Foto: Lucas Colombo/DN
- PUBLICIDADE -

Brasília

O volume de biodiesel dentro do diesel vai crescer, gradualmente, até 2023. A medida foi autorizada pelo Ministério de Minas e Energia (MME). Até o fim do cronograma, essa participação na composição do combustível vai aumentar de 10% para 15%.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o cronograma, a mudança começa a partir de junho de 2019, quando o percentual passa de 10% para 11%. A partir de 2020 até 2023, haverá o aumento de um ponto percentual, sempre em março, até chegar a participação de 15%.

Em nota, o ministério afirmou que “a medida oferece previsibilidade ao setor, incentiva a geração de empregos e investimentos na área de combustíveis”. O texto ainda permite que distribuidores de combustíveis autorizados coloquem, voluntariamente, biodiesel ao óleo diesel vendido ao consumidor final. Esse volume, no entanto, não pode ultrapassar os 15%.

O ministério prevê, com essa medida, que a produção do biodiesel no país passe de 5,4 bilhões de litros por ano para 10 bilhões de litros até 2023. “Esse crescimento representa um aumento de 85% da demanda doméstica, o que deve consolidar o Brasil como um dos maiores produtores de biodiesel no mundo”, avaliou o ministério em nota.

Informações da Agência Brasil

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Brasília

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.