Gás de cozinha fica mais caro e pode ultrapassar os R$ 70

Presidente do Sirgás/SC afirma que os ajustes são realizados de acordo com a valorização do dólar

- PUBLICIDADE -

Luana Mello

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O preço do gás de cozinha poderá pesar ainda mais no bolso no consumidor. A partir de hoje, as distribuidoras acrescentarão um aumento de 8,5% no valor do produto, conforme informações do Sindigás. A expectativa é que o botijão que custava aproximadamente R$ 67, 8 nas últimas semanas, ultrapasse os R$ 70. Desde o início do ano, revisões trimestrais são feitas. A Petrobras realiza o segundo aumento de preço seguido após dois trimestres de diminuição de preços.

O presidente do Sirgás/SC, Fernando Bandeira, afirma que os ajustes são realizados de acordo com a valorização do dólar. “Não dá para descartar a possibilidade de novos aumentos, mas também não podemos afirmar nada. Essa é o terceiro reajuste do ano e a partir de amanhã será repassado aos consumidores”, afirma.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.