Caixa eletrônico é arrombado e policiais militares são feitos reféns

O crime aconteceu em Mampituba (RS). Parte da quadrilha rendeu dois policiais militares no quartel, enquanto os outros comparsas estouraram os caixas eletrônicos da agência bancária. A PM de Sombrio presta reforço.

- PUBLICIDADE -

A Polícia Militar de Sombrio e Praia Grande presta apoio a guarnição de Mampituba (RS) para localizar os integrantes da quadrilha que arrombaram caixas eletrônicos e destruíram a agência do banco Banrisul, na madrugada deste sábado, dia 01, por volta das 4h. Parte do grupo invadiu o quartel da PM e rendeu dois policiais, enquanto os outros comparsas realizaram o crime.

Na fuga dos criminosos,que estavam fortemente armados, houve confronto com troca de tiros entre a Polícia Militar e os assaltantes e dois policiais ficaram feridos.Eles foram encaminhados ao hospital e passam bem.

- PUBLICIDADE -

Conforme o site NorteSul dois veículos usados na fuga foram abandonados na Pirataba, uma viatura da PM capotou, um refém foi levado e solto nas proximidades de Vila São João. Os bandidos ainda incendiaram dois carros e fugiram para a mata entre Santa Catarina e o Rio Grande do Sul.

Parte do dinheiro roubado (valor não divulgado) foi recuperado na localidade de Pirataba, juntamente com algumas armas. Um cerco foi montado ao redor da mata, na localidade de Rio Verde, onde foram vistos se esconderem cinco dos assaltantes. Policiais armados e com canil permanecem no local, na manhã deste sábado, nas buscas dos criminosos.

Policiais do Rio Grande do Sul e extremo Sul Santa Catarina estão em alerta. Mampituba faz divisa com Praia Grande e fica localizada a 24 km de Torres (RS).

Foto: Divulgação PM
Foto: Divulgação PM
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Mampituba

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.