Vereadores mirins tomam posse em Nova Veneza

Confira os vereadores mirins eleitos

Foto: Divulgação/DN
- PUBLICIDADE -

Nova Veneza

A Casa Legislativa de Nova Veneza esteve lotada na noite dessa terça-feira, 11, já que foi realizada a cerimônia de posse dos vereadores mirins de 2017. Amigos e familiares acompanharam a diplomação dos meninos e meninas que representarão as escolas do município e também suas comunidades em sessões mensais na Câmara.

- PUBLICIDADE -

Além do presidente em exercício, Edaltro Luiz Bortolotto, os demais vereadores também acompanharam a cerimônia. O idealizador do projeto, vereador Eloir Minatto (Biro Biro), que está de licença, participou do evento, assim como o prefeito Rogério Frigo, o vice Sergio Alberto Spilere e o secretário de educação Elzio Milanez. Representando o poder executivo, Frigo ressaltou que estará atento às reivindicações dos pequenos legisladores, e que os pedidos serão atendidos dentro do possível.

Na oportunidade, o vereador mirim eleito Carlito Lourenci Neto, em nome dos colegas, agradeceu a oportunidade e deixou claro que todos estão comprometidos em buscar o melhor para as escolas e comunidades. Na cerimônia também foram eleitos os diretores, e ficou da seguinte forma: Beatriz Scarsi Mota (presidente), Vinícius Alves Amboni (vice), Maria Fernanda Rocha Luz (primeira secretária) e Iasmin De Pieri Duminelli (segunda secretária).

Confira os vereadores mirins eleitos:

Maria Fernanda Rocha Luz – Escola Julieta Torres Gonçalves

Vinícius Alves Amboni – Escola Abílio César Borges

Yuri Daniel Minatto – Centro de Educação Infantil Sossego da Mamãe

Carlito Lourenci Neto – Escola do Bairro Bortolotto

Mario Anthonio Crepaldi Ugioni – Escola Líbero Ugioni

Joice Genuíno Pereira – Escola Vitor Savi

Beatriz Scarsi Mota – Escola Municipal Caravaggio

Beatriz Baldessar Stanger dos Santos – Escola Augusto Mondardo

Iasmin De Pieri Duminelli – Escola Ítalo Amboni

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.