Imbituba pode proibir venda de bebidas alcoólicas entre 2 e 8 horas

Prefeito já entregou o modelo de Projeto de Lei ao presidente da Câmara de Vereadores

- PUBLICIDADE -

Imbituba

A prefeitura de Imbituba quer proibir a venda e o consumo de bebidas alcoólicas nas vias públicas do município, das 2 às 8 horas. O prefeito Rosenvaldo Jr entregou o modelo de Projeto de Lei para o presidente da Câmara de Vereadores, Renato Ladiada, após apelo de moradores da Praia do Rosa pelos episódios constantes.

- PUBLICIDADE -

“Nossa intenção com a edição desta lei é evitar consequências mais graves como atos de embriaguez, vandalismo, brigas, perturbação do trabalho e do sossego alheios, utilização de drogas ilícitas, entre outros, inclusive e principalmente no que tange à ocorrência de homicídios, como ocorreu em um caso recente. Levaremos o projeto para discussão na comunidade, promovendo audiência pública para ouvir opiniões e ampliar a participação da população”, explica o prefeito.

Para o procurador do município, Gustavo Benetti, a administração entende ser prudente coibir o consumo e a venda de bebidas alcoólicas em locais públicos neste horário. “É de conhecimento de todos a ocorrência do dia 31 de dezembro de 2016, que provocou a morte de um jovem, e resultou graves ferimentos em outro, na localidade da Praia do Rosa, em Ibiraquera. Entendemos ser prudente coibir o consumo e a venda de bebidas alcoólicas em locais públicos neste horário”, analisa.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Imbituba

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.