Chapa 1 vence Conselho Fiscal da Cooperaliança

Foram 1.791 votos (72,01%) para a Chapa 1 e 652 votos (26,21%) para a Chapa 2, de oposição

Foto: Divulgação/DN
- PUBLICIDADE -

Içara

A Chapa 1 venceu a eleição para o Conselho Fiscal da Cooperaliança com 72,01% dos votos, apoiada por 1.791 associados. Já a Chapa 2 contabilizou 652 votos, obtendo 26,21% do total. A apuração somou ainda 11 votos brancos e 33 nulos. O pleito ocorreu nas dependências da Escola Salete Scotti dos Santos, no Centro de Içara, entre 8h e 17h deste sábado, 11. “O envolvimento dos associados foi muito positivo, o que tornou a eleição bastante democrática e participativa” coloca o presidente da Cooperaliança, Jorge Rodrigues (PMDB). “Os novos conselheiros devem acompanhar de perto todo esforço para redução da tarifa de energia. O processo já está bem encaminhado junto a Aneel e agora esperamos garantir o subsídio o mais rápido possível”, ressalta.

- PUBLICIDADE -

“A partir de agora vamos dar início aos trabalhos com muito zelo e compromisso com todos os associados”, pontua um dos conselheiros eleitos, Eduardo Zacarias. “O resultado foi esperado pelo número de lideranças políticas envolvidas com a outra chapa, mas vamos seguir a nossa luta. Foram 652 votos conquistados com muito trabalho de convencimento. No próximo ano estaremos aqui novamente”, declara Paulo Cesar Crescencio, membro representante da Chapa 2.

A eleição aconteceu após o Conselho Fiscal aprovar as contas da cooperativa, que, conforme o relatório apontou sobras de R$ 355 mil em 2016. A assembleia realizada ontem aprovou ainda o congelamento dos salários do presidente e das cédulas de presença dos conselheiros.

Conselheiros eleitos:

Efetivos:
Eduardo Zacarias
Valmir José Ferreira
Daniel Loch Gomes

Suplentes:
Geraldo Manarin
Antônio Mendes
Jucemar Vargas

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.