Usina de asfalto inaugurada, mas ainda em testes

Estrutura localizada no bairro Sangão, em Criciúma, ainda não conta com a licença necessária para operar. Enquanto isso, equipamento segue em ajustes

Foto: Lucas Colombo/DN
- PUBLICIDADE -

Criciúma

Inaugurada há quase um mês, a usina de asfalto de Criciúma ainda está com as atividades restritas. O empreendimento da prefeitura ainda não obteve a Licença Ambiental de Operação (LAO), emitida pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma) e, por isso, não tem autorização oficial para entrar em atividade. Enquanto isso, a estrutura localizada na Rodovia Governador Jorge Lacerda, no bairro Sangão, segue com a fase de testes.

- PUBLICIDADE -

Segundo a secretária de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana do município, Katia Smielevski, a situação é normal e faz parte do processo de implantação da estrutura. “Não vejo problema com isso. A gente já tem a licença prévia e a licença de instalação. Só falta plantar grama, instalar um tanque de decantação de óleo e pagar R$ 28 mil para emitir a licença”, explica.

Confira mais detalhes na edição desta quinta-feira, 30, do jornal Diário de Notícias. 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Suelen Bongiolo
Em: Criciúma

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.