Trânsito no Centro de Morro da Fumaça pode ser restrito

Comissão avalia a possibilidade de veículos pesados serem proibidos de circular no local. Grupo busca rotas alternativas para evitar estragos após as obras de recapeamento asfáltico

Foto: Divulgação/Prefeitura de Morro da Fumaça
- PUBLICIDADE -

Morro da Fumaça

O trânsito de veículos pesados pode ser proibido na área central de Morro da Fumaça. Uma comissão formada pelo prefeito Noi Coral, o vice Eduardo Guollo, o sargento da Polícia Militar, Tiago Jacoby, e a equipe da prefeitura avalia a criação de rotas alternativas para evitar o estrago com o peso dos caminhões, após o recapeamento asfáltico pela empresa Setep, que deve começar as obras na Rua Vinte de Maio no início de dezembro.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o prefeito, a proibição de veículos pesados na área central visa prolongar a durabilidade da camada asfáltica e facilitar o fluxo de pedestres e veículos leves. “Muitas cidades já adotaram este procedimento, criando uma rota específica para os caminhões sem prejudicar a logística das empresas e em benefício da comunidade. Em Morro da Fumaça estamos avaliando para seguir nesta direção”, conta Coral.

Uma das rodovias que devem absorver o trânsito de caminhões acima de quatro toneladas será a Genésio Mazon, para escoar os produtos na cidade. “Estamos na fase de amadurecimento da ideia e elaboração das rotas alternativas em conjunto com a Polícia Militar, que é parceira na discussão e fiscalização. Após a definição, todos vão ser comunicados e orientados”, comenta o vice-prefeito Eduardo Guollo.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Morro da Fumaça

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.