- PUBLICIDADE -

Criciúma

A Polícia Rodoviária Federal inicia à zero hora desta 6ª feira dia 24/02, em todo o Brasil, a Operação Carnaval 2017, que se estende até a meia-noite de quarta-feira de cinzas dia 01 de março, totalizando seis dias. A operação consiste em intensificar ações de policiamento e fiscalização nas rodovias federais do estado, no sentido de educar, prevenir, manter a normalidade do fluxo de veículos e reduzir o número de acidentes e vítimas no trânsito.

- PUBLICIDADE -

Em SC, a PRF ganhará o reforço de 11 viaturas operacionais. Os veículos eram utilizados em serviços administrativos, mas foram caracterizados e equipados como viaturas operacionais da PRF, por um baixo custo. O efetivo contará com reforço nas escalas de serviço nos locais considerados pontos críticos de risco de acidentes e de maior fluxo de veículos. O Grupo de Motociclismo Estadual (GME) e o Núcleo de Operações Especiais (NOE) vão atuar todos os dias no feriadão. Policiais que atuam no serviço administrativo também vão reforçar o serviço operacional.

Nos anos anteriores, a PRF/SC registrou os seguintes números no Carnaval:

Ano:                 2014     2015    2016

Acidentes           317       335      189

Feridos               174       191      165

Mortos                  09        03         11
No feriado de Carnaval o fluxo de veículos aumenta consideravelmente em nosso estado, principalmente em regiões de nas áreas de festas tradicionais como Laguna, grande Florianópolis, Balneário Camboriú, Navegantes e Joaçaba. A maior concentração de veículos e prováveis congestionamentos devem ocorrer no dia 24, sexta, e dias 28/02 e 01/03, quando termina o feriadão e ocorrerá a “volta para casa”.

Motoristas dirigindo sob efeito de álcool são uma das principais preocupações do Órgão. Por isso, a fiscalização do consumo de bebidas será intensificada, principalmente nas regiões de festas carnavalescas. Vale lembrar que desde novembro de 2016, dirigir sob influência de álcool é uma infração gravíssima punida com suspensão do direito de dirigir por doze meses e multa de R$ 2.934,70. A mesma multa é aplicada ao condutor que se nega a se submeter aos testes.

A PRF também intensificará a fiscalização das condutas que aumentam o risco de graves acidentes ou que agravam as lesões como ultrapassagens indevidas, excesso de velocidade e falta de equipamentos de segurança (capacete, cinto de segurança ou cadeirinhas para crianças).

A Polícia Rodoviária Federal lembra algumas atitudes que podem salvar vidas:

– Todos os ocupantes do veículo devem usar o cinto de segurança;
– Acenda os faróis durante o dia, mesmo fora das rodovias;
– Respeite o limite de velocidade;
– Não ultrapasse em local proibido;
– Não transite pelo acostamento;
– Motorista – não fale no celular;
– Se beber, não dirija;
– Fuja dos horários de pico
– Programe sua viagem.

Restrições de tráfego – Para melhorar a segurança nas estradas durante esse fim de ano, a PRF restringirá o tráfego de alguns veículos de carga em rodovias de pista simples. Caminhões bitrens, cegonhas e veículos com dimensão excedente devem obedecer o período de restrição abaixo:

Sexta-feira (24): 16h às 24h

Sábado (25): 06h às 12h

Terça-feira (28): 16h às 24h

Quarta-feira (01): 06h às 12h

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.