Morre o empresário Léo Santiago

Aos 67 anos, o criciumense lutava contra um câncer

- PUBLICIDADE -

Porto Alegre

Morreu nesta sexta-feira, em Porto Alegre, o empresário Léo Santiago, de 67 anos. Ele lutava contra um câncer e sofreu complicações após submeter-se a um transplante de medula óssea.

- PUBLICIDADE -

Léo era o terceiro dos sete filhos do mineiro Armandio e da ajudade de serviços gerais Margarida. Criciumense, cresceu no bairro Operária Velha, hoje, Santa Bárbara. Começou a trabalhar desde cedo, e aos 18 anos, serviu as forças armadas.

Quando voltou ao município, formou-se técnico em Segurança do Trabalho e especializou-se em mineração e por 20 anos, se dedicou a segurança dos mineiros. Se aposentou, aos 45 anos, iniciando atividades empresariais com comercialização de rejeito e moinha de carvão

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Porto Alegre

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.