Maracajá comemora 50 anos de emancipação nesta sexta-feira

Com um passeio ciclístico, que se tornou tradicional nos principais eventos e momentos da cidade nas últimas décadas, abrem-se as comemorações oficiais

Foto: Divulgação/DN
- PUBLICIDADE -

Maracajá

Com um passeio ciclístico, que se tornou tradicional nos principais eventos e momentos da cidade nas últimas décadas, abrem-se as comemorações oficiais pela passagem dos 50 anos de emancipação político-administrativa de Maracajá, nesta sexta-feira, 12. O início do passeio está marcado para 9h, com a largada ocorrendo em frente a Prefeitura, seguindo pela Avenida Nossa Senhora da Conceição até a Vila Beatriz, retornando pela mesma via até o Centro Esportivo Municipal Antônio da Rocha. “O passeio ciclístico terá participação de estudantes das redes públicas de ensino e Apae, da comunidade de forma geral; na chegada ao centro esportivo ofereceremos um lanche aos participantes e faremos o sorteio de brindes, entre elas, bicicletas”, explica o coordenador de eventos do município, Raimundo Darolt, diretor de Esportes da administração municipal.

- PUBLICIDADE -

No mesmo local, a partir das 14h, ocorre o encontro semanal do clube de terceira idade, com o costumeira dança e café da tarde e apresentação especial da dupla Giovana e Sofia, as “Meninas da Sanfona”, de Turvo.

À noite

As comemorações serão retomadas às 18h30 no ginásio de esportes do centro esportivo municipal, com apresentações artísticas e culturais de alunos da Apae e do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), show com as “Meninas da Sanfona”, homenagem às mães e corte do bolo comemorativo pela passagem dos 50 anos de emancipação do município.

Durante a semana que passou, a cada dia, um evento marcou a data. Segunda-feira, 8, foram homenageadas as pessoas que contribuíram para que há 27 anos tivesse início o processo que resultou na criação do Parque Ecológico Maracajá, local que foi sede na terça-feira, 9, de sessão solene da Câmara Municipal em homenagem a todos os vereadores já eleitos no município desde a emancipação.

Na quarta-feira, 10, pela manhã foi aberta a exposição fotográfica “Belezas naturais e culturais de Maracajá” e, à noite, feito o lançamento oficial do documentário “Registrando os patrimônios culturais imateriais de Maracajá”. Servidores da Cidasc e Epagri que contribuíram com o desenvolvimento do agronegócio no município serão homenageados na noite desta quinta-feira, 11, durante inauguração da Casa do Agricultor.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.