Ginastas do Mampituba participam de Torneio Regional Sul

As ginastas atuam na modalidade de Ginástica Rítmica

Foto: Divulgação.
- PUBLICIDADE -

Ginastas da Sociedade Recreativa Mampituba participaram, de quarta-feira a domingo, 23 a 27, do Torneio Regional Sul de Ginástica Rítmica, realizado na cidade de São José dos Pinhais, no Paraná. A competição reuniu mais de 200 atletas da região sul do Brasil.

No Torneio, o destaque ficou com as atletas Julia Martins, Flávia Balthazar e Luísa Ribeiro, que competiram na 1ª divisão e ficaram entre as melhores ginastas dos estados de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. Julia Martins por muito pouco não se classificou para o Torneio Nacional. Ela conquistou o 7º lugar, dentre 21 meninas que competiram no adulto. Flávia Balthazar ficou com a 11ª posição de 31 meninas na prova de “mãos livres”, no infantil. A atleta Luísa Ribeiro, por sua vez, garantiu a 13ª colocação, de 30 meninas no juvenil. Também participaram da competição as ginastas Julia de Sousa, na categoria juvenil, Amanda Venâncio, Maria Eduarda Alvarenga, Letícia Salvador, e Yasmim Alcântara na categoria Infantil.

- PUBLICIDADE -

A técnica de ginástica rítmica da Sociedade Recreativa Mampituba, Julia Casagrande Bitencourt, explica que o nível da competição estava altíssimo. “Tivemos alguns erros, mas mesmo assim bons resultados. Esperávamos uma classificação, mas bateu na trave. As atletas competiram muito bem, com determinação. Agora vamos seguir treinando para corrigir os erros”, explica. Segundo ela, passado o Torneio Regional Sul, as ginastas da Sociedade Recreativa Mampituba viajam nesta sexta-feira, 1º de setembro, para Brusque, onde participarão de um Campeonato Estadual Infantil.

Colaboração: Enfatizze Comunicação.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.