Contador: profissão com atuação em diversas áreas

No mercado de trabalho, a carreira é considera bastante promissora, com demanda crescente

Foto: Lucas Colombo/DN.
- PUBLICIDADE -

Francis Leny

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Analista financeiro, auditor interno, consultor, pesquisador e agente fiscal. Estas são algumas das diversas funções que um contador pode exercer. Um mercado de trabalho bastante amplo e promissor para os profissionais que celebram o seu dia nesta sexta-feira, 22.

A contabilidade é uma área estratégica. E mesmo em tempo de crise, a demanda no Brasil aumenta. O contador pode atuar no seguimento público (federal, estadual e municipal) e privado (indústria, comércio e serviços). Também na área acadêmica, as chamadas assessorias de finanças pessoais e em atividades independentes.

“É uma profissão em ascensão, pois é a quarta mais procurada no mundo. É também apaixonante e desafiadora, haja vista de atua em quaisquer tipos de organizações, sejam públicas ou privadas, pessoas jurídicas e também com pessoas físicas”, destaca o coordenador do curso de graduação de Ciências Contábeis da Unesc, Dourival Giassi.

Formação pela Unesc

Na Universidade Extremo Sul de Santa Catarina (Unesc), cola grau uma média de 150 novos bacharéis por ano. “Em 42 anos de existência, o curso formou 2.762 novos profissionais. A Unesc possui um moderno Centro de Práticas Contábeis para estágio dos estudantes, com softwares profissionais, sob a orientação de professores com vasta experiência. A duração para a graduação é de quatro anos e seis meses”, destaca Giassi.

Sindicont trabalha na qualificação profissional

 Em Criciúma e região de abrangência do Sindicato dos Contabilistas (Sindicont) ao todo são 1.150 profissionais com registro. Com forte atuação, o Sindicont representa a classe, promovendo também a união e a qualificação profissional.

“Trabalhamos muito forte a qualificação profissional dos contadores e também dos colaboradores das empresas de serviços contábeis, para que prestem, cada vez mais, serviços qualificados. A associação dos contabilistas oferece ainda uma boa estrutura de área de lazer”, destaca o vice-presidente administrativo da Sindicont, Cloir Dassoler.

Novos cursos

O Sindicont investe com a oferta de cursos. Até meados de setembro já foram 23 capacitações realizadas. Ainda para este ano acontecem: Simples Nacional – novas regras para 2017 e 2018 (27/09); Substituição Tributária – ICMS/SC Teórico e Prático (10/10); Nova contabilidade das receitas a partir de 2018; Reforma Trabalhista (14/11) e Incorporação Imobiliária – tributação na prática (20/11).

Atividades privativas

Muitas são atividades privativas de um contador. As perícias judiciais ou extrajudiciais, revisão de balanços e de contas em geral, verificação de haveres, revisão permanente ou periódica de escritas, regulações judiciais ou extrajudiciais de avarias grossas ou comuns, estão entre elas. Existe ainda a atividade de assistência aos Conselhos Fiscais das sociedades anônimas e quaisquer outras atribuições de natureza técnica conferidas por lei aos profissionais de contabilidade.

O mercado de trabalho oferece um amplo “leque” de oportunidades. Com atuações em áreas de exclusividade do profissional contador. São elas, ainda: trabalhos de avaliação de acervos patrimoniais e verificação de haveres e obrigações, para quaisquer finalidades, inclusive de natureza fiscal; avaliação dos fundos do comércio; apuração do valor patrimonial de participações, quotas ou ações; reavaliações e medição dos efeitos das variações do poder aquisitivo da moeda sobre o patrimônio e o resultado periódico de quaisquer entidades.

Algumas áreas de atuação do contador

* Registros contábeis, controle e planejamento das organizações;

* Auditor: que desenvolve a atividade de perito contábil;

* Função de Controller e gestor de empresas;

* Professor e pesquisador universitário;

* Contadoria pública, contabilidade governamental federal, estadual e municipal;

* Fiscal de Tributos Estaduais e Federais;

* Fiscal do Conselho Federal e Regionais de Contabilidade

Avanço tecnológico e educação continuada

 

A imagem do profissional sempre esteve ligada à burocracia. Mas, com o avanço da informática e das tecnologias, ferramentas vêm auxiliando na execução das operações rotineiras e sistemáticas. Profissionais também investem, cada vez mais, na reciclagem de seus conhecimentos e no aperfeiçoamento técnico, fundamental para a sobrevivência da profissão.

 

Nos dias atuais, entre os conhecimentos, o contador precisa saber muito de matemática financeira, estatística, ter noções de marketing, economia nacional e internacional. Todos esses elementos fazem com que as orientações de dados e as informações da contabilidade sejam passadas com mais segurança e clareza a clientes e investidores. A atualização é fundamental, principalmente em nossa área de atuação”, ressalta o coordenador do curso de graduação de Ciências Contábeis da Unesc, Dourival Giassi. 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.