Casan nega que será privatizada

Havia boato de que a estatal catarinense estaria no pacote de concessões do Governo Federal

- PUBLICIDADE -

Florianópolis

Após ter vindo à tona, na última semana, um boato de que a Companhia Catarinense de Água e Esgoto (Casan) estaria no pacote do Governo Federal de privatização e concessão – denominado Programa de Parcerias e Investimentos –, a estatal emitiu uma nota oficial desmentindo a informação. Conforme alegado no comunicado, não há possibilidade de que esse processo aconteça, pois ela já está consolidada.

- PUBLICIDADE -

Confira a nota na íntegra: “A Casan reafirma que o atual governo não vendeu e nem venderá nenhuma ação da Companhia por entender que a empresa superou dificuldades do passado. A hipótese de privatização não existe, pois não há lógica em se desfazer de uma estatal sólida e saudável do ponto de vista econômico e que vem elevando os indicadores de saúde e qualidade de vida dos catarinenses.⁠⁠⁠⁠”

Concessões

O que havia sido especulado em relação à Casan seria semelhante ao que ocorreu com o Aeroporto Hercílio Luz, de Florianópolis, nesta semana. Na quinta-feira, 16, ele foi leiloado na BM&FBovespa. Ele foi arrematado pela empresa suíça Zurich International Airport AG, por R$ 83,3 milhões, que será a nova administradora do local.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Florianópolis

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.