- PUBLICIDADE -

O Criciúma treinou em dois turnos nesta terça-feira. Pela manhã, o técnico Luiz Carlos Winck comandou um trabalho tático. Ele buscou ajustar a equipe e confirmou o retorno dos zagueiros Raphael Silva e Edson Borges aos titulares. Diego Giaretta passa para a lateral esquerda. O treino técnico teve como time principal: Luiz; Diogo Mateus, Raphael Silva, Edson Borges e Diego Giaretta; Barreto e Jonatan Lima; Caio Rangel, Douglas Dodi e Silvinho; Lucão. O volante Ricardinho treinou uma parte entre os titulares, devido a um desconforto de Jonatan Lima – que não deve ter problemas para atuar em Goiânia.

Treino Tigre - foto Fernando Ribeiro CEC 2Durante a tarde, os jogadores fizeram um treino de força, na academia, focado na parte física, comandado pelo preparador físico, Luciano Ilha.

- PUBLICIDADE -

Negociações tricolores

O Tigre emprestou o goleiro Ronaldo Zilio ao Hercilio Luz, de Tubarão, que disputará a segunda divisão do Catarinense. A transferência faz parte negociação que envolveu a chegada do atacante Moisés ao Criciúma. Outros jogadores também podem ser emprestados ao time tubaronense, porém, nomes ainda não foram definidos.

O atacante Caio Rangel ainda não tem situação definida. Com contrato em vigência até sexta-feira, ele deve atuar contra o Vila Nova. Entretanto, a diretoria do Criciúma segue tentando prorrogar o empréstimo do atacante até o final do ano, junto ao Cagliari, da Itália. Os dirigentes do Cruzeiro, que contrataram o jogador no inicio do ano e depois o repassaram ao Tigre, auxiliam no negócio. A Chapecoense tem interesse em Caio.

O atacante Zé Roberto interessa ao Vila Nova, adversário do Criciúma na sexta-feira. Indicado pelo ex-técnico Deivid, ele pode deixar o clube nos próximos dias.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.