- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

A única dúvida de Luiz Carlos Winck para confirmar a equipe do Criciúma que começa a partida diante do Internacional, no sábado, às 16h30, é a presença ou não do atacante Caio Rangel. O jogador segue em processo de transferência do Cagliari, da Itália, para o Estoril, de Portugal. Depois, ele será emprestado ao Criciúma até o final da Série B. Por se tratar de um negócio internacional, a regularização acaba sendo mais demorada. Caio precisa aparecer como jogador do Criciúma, no Boletim Informativo Diário (BID), da CBF, até sexta-feira às 19 horas para então ter condições de pegar o Inter.

Durante todos os trabalhos táticos da semana, o técnico Luiz Carlos Winck utilizou Fabinho Alves entre os titulares e Caio na reserva, mostrando-se pouco confiante no aproveitamento de Rangel. Na terça-feira, Winck chegou a testar Marlon na posição, deslocando Silvinho para o lado direito.

Tigre - foto Fernando Ribeiro CECNa manhã desta quarta-feira, os jogadores trabalharam atividades para o ataque e para a defesa, em grupos específicos. A exigência da comissão técnica foi tão grande que o treino da tarde acabou sendo cancelado por Luiz Carlos Winck para que os jogadores se recuperassem fisicamente. Os atletas se reapresentam na quinta-feira à tarde, quando Winck deve comandar um treino técnico e tático, com titulares e reservas definidos, e assim encaminhar a equipe para o jogo de sábado.

O último treino acontece na sexta-feira pela manhã, quando normalmente o comandante tricolor treina bolas paradas e jogadas ensaiadas de faltas e escanteios. A viagem para Porto Alegre será no início da tarde de sexta-feira.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.