- PUBLICIDADE -

Tubarão

Depois de tantos anos sem um time disputando a Série A do Catarinense, Tubarão receberá nesta quarta, às 19h30min, o primeiro jogo do Peixe na cidade no campeonato de 2017. E não poderia ser uma partida mais especial. Pela segunda rodada da competição, a equipe enfrenta a Chapecoense. Com ingressos quase esgotados, a expectativa de Vila cheia se confirmou e deixou os atletas ainda mais empolgados para o estadual.
– Os jogadores que estavam em 2016 já comentavam que a torcida comparecia em peso ao estádio e que apoiava muito o clube. Agora, estamos observando isso e vendo a cidade mobilizada. Espero que seja assim em todos os jogos porque o apoio deles é muito importante para nós no campo – destaca um dos contratados para esta temporada, o meia Daniel Costa.
A preparação para receber o atual campeão estadual e sul-americano começou na segunda-feira, um dia após a estreia no Catarinense. Nesta terça, o técnico Marcelo Mabilia conversou com um grupo e realizou o último treino, no início da noite, com os portões fechado para definir a equipe que entra em campo na quarta.
– Com jogos duas vezes na semana, não temos muito tempo para trabalhar, mas já conversamos sobre o que precisa ser ajustado para a próxima partida. A Chapecoense é um grande time, que entra como favorita para o título. Mesmo assim, tentaremos impor nosso ritmo de jogo, que é de muita posse e toque de bola. O gramado da Vila favorece o bom futebol – comentou Daniel Costa.
Após o treino de hoje, os relacionados para a partida concentraram com a comissão técnica. Tubarão e Chapecoense se encontram na quarta, às 19h30min. Todas as informações sobre os ingressos para a partida estão no evento oficial da partida: https://www.facebook.com/events/675499422635014/. Os portões abrem às 18h. Além do futebol, a loja do clube estará aberta, e serviços como música, alimentação e brinquedos estarão disponíveis para quem comparecer.
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.