- PUBLICIDADE -

Nova Veneza

A equipe de atletismo de Nova Veneza conquistou cinco medalhas no estadual Mirim, em Itajaí. A atleta Larissa da Silva Lucio ficou em primeiro lugar nos 1.000 metros rasos e estabeleceu novo recorde catarinense.

- PUBLICIDADE -

Erick Moises da Silva ficou em primeiro lugar no tetratlo; Luana Padilha em segundo lugar no arremesso de peso, Katiely Westrup segundo lugar no salto triplo e Geovana da Silva em terceiro lugar no salto em distância. “Nova Veneza participou com poucos atletas, porém, estamos levando na bagagem várias medalhas. O resultado é fruto do trabalho que o departamento municipal de esportes vem desenvolvendo. Hoje contamos ainda com o meu recorde nos 400 metros absoluto, a Larissa mais uma recordista estadual nos 1.000 metros e a Mikaely recordista estadual mirim nos 60 metros. Então, o município conta com três recordistas estaduais nas provas de atletismo”, comentou o técnico Roberto Bortolotto.

De acordo com o diretor municipal de esportes, Hériton Sandrini, o resultado foi obtido em função de um planejamento desenvolvido desde o início do ano com a direção e comissão técnica. “Nós traçamos as nossas metas para a modalidade, sendo que, foram visualizadas duas situações: como descobrir os talentos e montamos uma estratégia de logística para a revelação desses talentos. E darmos condições para que, os atletas, possam ter um bom treinamento material, física, transporte, aliado ao apoio do DME junto com a competência do Roberto Bortolotto. Nesses oito meses de trabalho, o resultado esta dentro do esperado, não é nenhuma surpresa, porque é um trabalho desenvolvido cientificamente por pessoas competentes que sabem o que fazem”, afirmou o diretor.

Destaque desde os anos 80

O atletismo de Nova Veneza começou a ganhar destaque no ano de 1985, em Nova Veneza, quando ganhou a primeira medalha dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc). O ex- atleta e atual técnico da escolinha de atletismo, Roberto Bortolotto ficou em primeiro no salto triplo e segundo no salto em distância. E, ao longo dos anos, vieram outras atletas como Cleimar Binatti (Neca) e Katia Renigia de Almeida também medalhistas de ouro dos Jasc.

Luciane Moretto é campeã mundial dos Jogos da Juventude Italiana em 2005 e campeã dos joguinhos abertos de SC em 2008. Entre os atletas mais jovens, se destacam: Mikaely Michels Demo, que conquistou duas medalhas, uma de ouro nos 75 metros rasos e uma de prata no salto em distância. Com essa conquista, ela representou Santa Catarina nos Jogos Escolares Brasileiros (JEB´s).

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.