- PUBLICIDADE -

Criciúma

O cansaço e as dores no corpo quase o levaram à exaustão, mas a determinação falou mais alto e o araranguaense Martinho das Embaixadinhas conseguiu quebrar o próprio recorde. Ele alcançou a marca de 26 horas, 1 segundo e 34 centésimos realizando embaixadinhas. O desafio, que teve início às 12 horas de sexta-feira na Praça de Alimentação do Nações Shopping, virou a madrugada e só terminou às 14 horas deste sábado (11). Para dar conta do recado, Martinho consumiu 5 quilos de banana, 5 barras de chocolate, 4,5 litros de energético, além de água e achocolatado. A cada uma hora fazendo embaixadinhas, ele tinha direito a cinco minutos de descanso. “Tive muito foco e determinação e jamais deixei de acreditar em mim mesmo, mesmo diante das adversidades que surgiram no caminho. O segredo é acreditar em si mesmo, em Deus e contar com o apoio da família que é fundamental”, disse emocionado logo após a quebra do recorde.

- PUBLICIDADE -

Martinho - foto divulgação 4Seu último recorde havia sido de 25 horas e Martinho, que já possui seu nome inscrito no Guinness Book, tentará registrar novamente a marca atual no Livro dos Recordes. Para isso, uma ata foi elaborada e toda a ação foi gravada em vídeo para ser enviado posteriormente a Europa onde fica a sede do Guinness Book.

O superintendente do Nações Shopping, Marcos Erichsen exalta a determinação de Martinho e conta que o shopping procurou oferecer todo o apoio possível para que o recorde fosse quebrado. “Como ele passou a madrugada aqui dentro, cuidamos para que tudo ocorresse da melhor forma possível, uma vez que o próprio desafio era muito difícil. Ele está de parabéns e ficamos muito felizes por ele ter escolhido o Nações Shopping para quebrar o próprio recorde e superar a marca de 26 horas fazendo embaixadinhas, inserindo novamente seu nome no Guinness Book”, destacou Erichsen.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.