- PUBLICIDADE -

O técnico Deivid contestou a versão dada pelo árbitro William Machado Steffen de que ele havia proferido palavrões contra o juiz no final partida contra o Figueirense no domingo. William escreveu na súmula que o treinador falou diversos palavrões e xingamentos. “Eu acredito que passei um pouquinho do ponto, mas acho que ele exagerou. Só falei que é o quarto jogo que nós fomos prejudicados. Eu tenho total consciência que eu errei, mas é um absurdo isso que ele falou até porque eu tenho família, sou pai de três filhos, e jamais falaria aquilo”, disse o comandante tricolor.

A equipe treina hoje pela manhã e viaja logo a seguir para o interior de São Paulo onde pega o Santo André amanhã à tarde na estreia pela Copa do Brasil. O time será o mesmo que vinha jogando até a partida contra o Inter, de Lages: Luiz, Maicon Silva, Raphael Silva, Diego Giaretta e Marlon; Barreto, Douglas Dodi e Alex Maranhão; Pimentinha, Jheimy e Adalgiso Pitbull.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.