- PUBLICIDADE -

Lucas Lemos/Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Clássico. Assim pode ser definido o confronto de amanhã – que colocará frente a frente, pela primeira vez, o Criciúma Rugby contra o Jaguara Rugby, de Içara. São as duas equipes praticantes de Rugby no Sul do Estado.

O time de Criciúma existe há sete anos e treina habitualmente aos sábados à tarde tanto no feminino quanto no masculino e está em busca de mais atletas para formar o elenco deste ano. Às quartas, as práticas acontecem no Parque das Nações a partir das 19h e são mistas. O grupo de jogadores criciumenses contra, inclusive, com um estrangeiro: trata-se do argentino Nicolás Pastafiglia, morador de Forquilhinha.

O jogo deste final de semana marcará a estreia dos içarenses em um gramado. O duelo marcado para o campo secundário da Satc, a partir das 14 horas, será uma oportunidade para os novatos disputarem espaço através da demonstração de empenho e também do entrosamento. “Estamos com 22 jogadores regulares, porém precisamos sempre de mais atletas”, coloca o coordenador do plantel içarense, Luciano Bueno.

O plantel de Içara atualmente aguarda a liberação do calendário pela Federação Catarinense para definir os compromissos de 2017. Além disso, o time projeta levar a modalidade para as escolas.

A equipe iniciou as atividades em outubro de 2016 sob influência de jogadores da cidade que atuavam no Joaca Rugby, de Florianópolis, entre eles, Luciano, Airton e Lucas. O Jaguara entrou com o nome na intenção de facilitar a prospecção de jogadores e a mobilização da torcida de Içara.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.