- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Começa oficialmente no sábado, a 47ª edição do Banana Bowl – um dos torneios mais importantes do tênis mundial. As partidas serão disputadas pela primeira vez no Sul do Estado e a Sociedade Recreativa Mampituba, em Criciúma, foi o local escolhido para receber os confrontos.

As disputas pré-qualificatórias começaram na quarta-feira, dia primeiro, e encerraram na sexta-feira com a participação apenas de tenistas brasileiros que não estão na fase qualificatória nem na principal. Os vencedores masculino e feminino se classificaram para os jogos na elite da competição que começam na segunda-feira, dia 6.

Os jogos da elite do torneio reunirão 48 atletas masculinos e o mesmo número no feminino: 34 já classificados, mais seis da etapa de classificação, seis de wild card – fora do ranking, o campeão do pré-qualificatório e um convidado. Serão 43 países representados entre os 96 tenistas. “Nós teremos, em média, dos 30 melhores do mundo em cada categoria, 15 no masculino e 15 no feminino jogando aqui. O Banana Bowl é um dos torneios mais importantes do mundo no tênis, junto com a Copa Gerdau, que começa na semana que vem em Porto Alegre. Eles contam pontos no ranking internacional. Os tenistas se interessam em disputá-los”, disse o Diretor do departamento de tênis da Sociedade Recreativa Mampituba, Alexandre Farias.

O evento é aberto para o público em geral e tem acesso gratuito. Quem não é sócio do clube terá apenas que fazer um rápido cadastro. “Essa foi uma oportunidade que o clube e a cidade de Criciúma teve. Esse torneio vai servir de incentivo para os atletas olímpicos e paralímpicos, além de levar o nome da cidade para todo o mundo. Podem ter certeza que tenistas e interessados no esporte de todo o mundo estão descobrindo onde fica Criciúma”, explicou o presidente do clube, Arcílio Fabris.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.