Pais pernoitam em escolas para conseguir matrícula

Preferência por determinadas instituições de ensino de Criciúma leva a formação de fila de espera em frente às escolas

Foto: Lucas Colombo/DN
- PUBLICIDADE -

Suelen Bongiolo/Thiago Oliveira
Criciúma

As matrículas na rede municipal de ensino de Criciúma já iniciaram e, com elas, reapareceu um antigo problema. Desde sábado, pais pernoitam e formam filas em frente às principais escolas da cidade para tentar garantir a matrícula dos filhos para o ano letivo de 2018. O caso é registrado em instituições como a Escola Hercílio Amante, no bairro Vila Floresta, e na Jorge da Cunha Carneiro, no bairro Brasília.

- PUBLICIDADE -

De acordo com a diretora da Escola Municipal Hercílio Amante, Ana Paula Colombo, este é o segundo ano seguido em que ocorre essa situação. “O número de vagas é pequeno para a demanda. Tem pais que chegaram no domingo. São 50 vagas para o primeiro ano e 33 vagas para o sexto ano, que é o mais concorrido. São cerca de 100 crianças concorrendo por uma vaga no sexto ano”, aponta.

Confira a reportagem completa na edição desta terça-feira, 31, do jornal Diário de Notícias. 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Suelen Bongiolo/Thiago Oliveira
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.