Pescadores reivindicam melhorias para a categoria

Necessidade de emitir várias licenças e mudanças nas regras da aposentadoria geram reclamação e indignação de quem vive da pesca

Foto: Francis Leny/DN
- PUBLICIDADE -

Balneário Rincão 

Os pescadores artesanais da região estão precisando lidar com empecilhos para conseguir desenvolver a atividade normalmente. Entre as principais reclamações estão as regras impostas pelo Governo Federal, que obrigam os trabalhadores a emitirem licenças diferentes para cada espécie pescada.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o presidente da Colônia de Pescadores Z-33, de Balneário Rincão, João Picollo, a medida atrapalha o funcionamento da atividade. “O que tem hoje é a licença para um tipo de peixe só. Mas precisamos é de uma licença para todos os peixes. Isso atinge os pescadores, porque eles têm que ficar indo atrás da documentação”, aponta.

Outro ponto que gera reclamação dos pescadores é a proposta de Reforma da Previdência apresentada pelo Governo Federal no fim do ano passado. Assim como outras categorias, eles serão prejudicados pelo tempo de serviço necessário para conseguir a aposentadoria.

 

Confira a reportagem completa na edição desta quarta-feira, 22, do jornal Diário de Notícias.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Suelen Bongiolo
Em: Balneário Rincão

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.