Greve dos químicos é suspensa

A decisão foi tomada na tarde desta quarta-feira, 6, em virtude de decisões judiciais que impedem a manifestação a menos de 200 metros de empresas onde a greve já estava instalada

Foto: Lucas Colombo/DN
- PUBLICIDADE -

A greve dos trabalhadores das empresas da indústria químicas de Criciúma e região está suspensa. A decisão foi tomada na tarde desta quarta-feira, 6, em virtude de decisões judiciais que impedem a manifestação a menos de 200 metros de empresas onde a greve já estava instalada.

Confira a nota oficial:

- PUBLICIDADE -

O Comando de Greve do Movimento Sindical e Social Regional Sul comunica que suspendeu nesta tarde de quarta-feira, 6, a greve nas empresas da indústria química de Criciúma e Região.

A decisão tomada em reunião do Comando e lideranças dos sindicatos e movimentos sociais envolvidos é embasada nas sentenças de interdito proibitório concedidas a empresas onde a greve estava instalada.

A assessoria jurídica do Comando entende que as sentenças prolatadas infringem a competência do Tribunal Regional do Trabalho, a quem cabe decidir em questões trabalhistas que envolvam direitos coletivos. Por isto, vai recorrer das decisões por meio de Mandado de Segurança.

O Comando ressalta que a suspensão do movimento de paralisação é temporário, enquanto aguarda-se novas manifestações judiciais sobre o legítimo e constitucional direito de greve da classe trabalhadora.

Resistir aos ataques aos direitos dos trabalhadores, mobilizar a classe trabalhadora e manter unido o Movimento Sindical e Social Regional continuam sendo nossas principais bandeiras.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Marciano Bortolin
Em: Criciúma

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.