Frigoríficos poderão exportar carne suína para a Coreia do Sul

Inicialmente são três plantas autorizadas, sendo as únicas em todo o Brasil: BRF de Campos Novos, Aurora Alimentos de Chapecó e Pamplona Alimentos de Presidente Getúlio

Foto: ilustrativa
- PUBLICIDADE -

Mais uma boa notícia para o agronegócio catarinense. A Agência de Inspeção Sanitária e Quarentena (QIA) da Coreia do Sul publicou a lista de empresas catarinenses habilitadas a exportar carne suína para o país. Inicialmente são três plantas autorizadas, sendo as únicas em todo o Brasil: BRF de Campos Novos, Aurora Alimentos de Chapecó e Pamplona Alimentos de Presidente Getúlio. A expectativa é de que Santa Catarina venda pelo menos 30 mil toneladas de carne suína por ano para a Coreia do Sul.

O governador Raimundo Colombo comemorou a notícia, lembrando que a Coreia é o quarto importador de carne suína do mundo, sendo um grande cliente para Santa Catarina. Para ele, a conquista é a realização de um sonho. “Se transforma em emprego, em desenvolvimento, o em valorização do nosso trabalho, da nossa produção. Isso é tudo que a gente queria”, ressaltou. Colombo ainda acrescentou que para conquistar esse mercado foi um longo caminho percorrido, com muita negociação e conversa.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.