- PUBLICIDADE -

Giovane Marcelino / Especial
Criciúma

 
Quem passou pela manhã desta segunda-feira, 6, no Parque das Nações de Criciúma observou uma grande quantidade de automóveis que não estão sendo mais utilizados. São mais de 30 modelos entre carros, ônibus e até retroescavadeira que estão no local, onde a partir de hoje, passam por uma análise para verificar se podem ou não ir a leilão.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o diretor de patrimônio da prefeitura de Criciúma, Valmir Luiz, os carros foram retirados do pátio de máquinas, localizado na comunidade de Primeira Linha, por conta da falta de espaço para inspecionar os veículos. “Trouxemos eles pra cá na última sexta-feira para auxiliar nessa avaliação. O local onde estavam estava apertado e aqui será mais fácil de realizar o serviço”, contou.

Segundo Luiz, desta quantidade, 20% não estão totalmente destruídos e devem seguir para leilão. “Para realizar o leilão, existe uma série de burocracias que devem ser feitas e só após conseguirmos isso, com a documentação correta, vamos repassar para a procuradoria do município para que seja encaminhado a compra”, pontuou.

Com a maioria sem nenhuma condição de trafégo, o restante deverá servir de sucata. “São carros que não são mais utilizados e após muito tempo de uso, fica inviável mandar para arrumar, pois em alguns casos, fica mais caro que o veículo”, finalizou o diretor.

Confira mais imagens: 

Carros para Leilão - Giovane Marcelino - DN (21)Carros para Leilão - Giovane Marcelino - DN (38)-minCarros para Leilão - Giovane Marcelino - DN (26)-minCarros para Leilão - Giovane Marcelino - DN (24)-min

Fotos: Giovane Marcelino / DN
Fotos: Giovane Marcelino / DN
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.