- PUBLICIDADE -

Giovane Marcelino / Especial
Criciúma

 
A região da grande Próspera irá receber uma grande concentração de fé na próxima semana. De domingo até o próximo sábado, a igreja Nossa Senhora da Salete irá receber o VII Cerco de Jericó que consiste em uma semana com uma programação especial para os fiéis da igreja católica.

- PUBLICIDADE -

A organização está sendo comandada por Maria Antônia e Ricardo Paiva, da Renovação Carismática Católica. “Serão sete noites com celebrações muito bonitas, onde a comunidade irá se sentir muito bem-vinda a nossa igreja”, comentou Ricardo.

O pároco da igreja, padre Marcos Rech, ressalta a participação da comunidade nas edições passadas. “A igreja fica cheia, a comunidade comparece em peso nas celebrações. Muitos vêm direto do trabalho e participam conosco. É bonito de se ver”, afirmou.

Com o Lema: “Eis a fonte inesgotável de Amor e Misericórdia”, a programação começa neste domingo, 23, a partir das 18h30min com a missa de abertura. De segunda a sexta-feira, serão realizadas celebrações às 19h30min e no sábado, será feito a derrubada do muro, a partir das 18h30min.

As celebrações contarão com participações de padres da diocese de Criciúma, Tubarão e comunidade Bethânia.

 
Origem do Cerco de Jericó

Tudo começou na Polônia, em 1979, quando alguns piedosos organizaram a primeira edição. O nome se deu por conta de que no Antigo Testamento, depois da morte de Moisés, Deus escolheu Josué para conduzir o povo hebreu.

Deus disse a Josué que atravessasse o rio Jordão com todo o povo e tomasse posse da Terra Prometida. Ora, a cidade de Jericó era ma fortaleza inexpugnável.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.