Foto: Giovane Marcelino / DN
- PUBLICIDADE -

Criciúma

 
Os soldados do Exército e policiais militares continuam as buscas dos assaltantes que na última noite, agrediram e roubaram um fuzil de um soldado que estava de plantão no 28º GAC. No meio da manhã, uma equipe da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Criciúma se encaminhou ao 28º GAC para verificar o local e começar as investigações.

- PUBLICIDADE -

No local, muitos soldados estavam espalhados pelo pátio. Na guarita, havia pelo menos três soldados. No interior do prédio, outros soldados faziam a proteção da estrutura. A concentração à procura dos criminosos continuam nas comunidades de Renascer e na região dos trilhos.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.