Tati Teixeira: “Fui apunhalada pelas costas”

- PUBLICIDADE -

 

Marciano Bortolin

- PUBLICIDADE -

Criciúma

Os sorrisos de quem pede votos em época de campanha eleitoral sumiram do rosto da ex-candidata a vice-prefeita pela chapa Paz por Criciúma, Tati Teixeira (PSD). Com lágrimas nos olhos e acompanhada da família, ela se pronunciou pela primeira vez hoje à tarde em entrevista coletiva concedida na Associação Empresarial de Criciúma (Acic), um dia após a oficialização da desistência do candidato a prefeito Cleiton Salvaro (PSB).

Por diversas vezes, a vereadora que está no segundo mandato, precisou parar devido ao choro. Ela revelou insatisfação com companheiros de coligação e chegou a assinar renúncia à candidatura de vice-prefeita na segunda-feira, último dia do prazo para substituição de candidatos. “Meu compromisso com o projeto e a minha missão com Criciúma é maior. Não desisti com a garantia de seguirmos leais na caminhada”, ressalta.

Entre os agradecimentos à família, amigos, candidatos a vereador e aos criciumenses, ela expressou os sentimentos. “Fui apunhalada pelas costas. Dediquei-me integralmente ao projeto desde que ele foi lançado, pois tudo que pego para fazer, faço com dedicação e empenho. Acho que fui pura demais”, pontua.

Sem posição definida

O PSD, partido de Tati definiu na própria quarta-feira, dia da desistência de Cleiton que irá apoiar, a partir de agora, o candidato Clésio Salvaro (PSDB), porém ela ainda não decidiu se irá adotar alguma campanha. “Respeito o meu partido, mas peço para que entendam a minha dor. Vou anunciar a minha decisão baseada no for melhor para os cidadãos criciumenses”, fala.

Professora por formação, ela ainda salientou que por diversas vezes pediu melhorias e correção, cobrando inclusive um plano de governo, tendo participação importante na construção do Plano Mais, amplamente divulgado nos programas eleitorais da coligação. “Sempre segui o caminho da verdade esperando que os outros fizessem o mesmo. Agora sigo a púnica opção que tenho: deixar a candidatura”, lamenta.

Coletiva de imprensa Tati Teixeira - Camila Marini (196)-min
Tati chorou durante o pronunciamento. Foto: Camila Marini/DNSul

Além de PSB e PSD, a chapa ainda agrega o chamado grupo dos partidos pequenos com PR, PRB, PSDC, PTC, PPS, PEN, PT do B, PMB, PSL, PRP. A coligação na proporcional (vereadores) continua.

Desistência é protocolada

Por volta das 16h45 de hoje, a assessoria de Cleiton Salvaro protocolou a desistência no Cartório Eleitoral. Agora a decisão segue para a 10ª Zona Eleitoral. Após análise, os horários eleitorais serão redistribuídos entre os outros quatro candidatos.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Marciano Bortolin
Em: Criciúma

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.