Festa das Etnias recebe 155 mil pessoas

Foto: Angelica Brunatto/DN
- PUBLICIDADE -

Durante os sete dias de realização da Festa das Etnias, cerca de 155 mil pessoas passaram pelo Centro de Eventos José Ijair Conti, em Criciúma. Conforme o presidente da Fundação Cultural, Júlio Lopes, o número é maior ao registrado no último ano. “A festa ocorreu conforme nós esperávamos”, salienta o presidente.

Em relação ao último ano, Lopes explica, houve um aumento na quantidade de pessoas interessadas nas apresentações artísticas e culturais. Por outro lado, a parte gastronômica manteve-se semelhante. Para o presidente da etnia Árabe, Omar Mohamad Ahmad Saleh, o evento foi dentro das expectativas. “A Festa das Etnias é sempre muito boa. Para nós foi positivo. Por nossa opção, o Buffet foi livre e tivemos um bom público”, expõe.

Foto: Angelica Brunatto/DN
Foto: Angelica Brunatto/DN

Conforme o presidente da Associação Ítalo Brasileira de Tradição e Cultura de Criciúma, Hélio Soratto, é difícil comparar esta edição com a realizada em 2015, que foi excepcional. “Esse ano não foi, mas percebemos um movimento grande no pavilhão”, pontua. Para ele, os dias que registraram maior movimento foi a segunda-feira, com a Noite das Minestras, a quarta-feira e o sábado.

- PUBLICIDADE -

Resgate da cultura

O balanço da Festa das Etnias também foi positivo para  a presidente da etnia Alemã, Maria Salete Nuernberg Zimmermann. “Mesmo que o público no restaurante tenha tido um crescimento bem pequeno, de um modo geral a festa tem sido muito boa. Cumpriu com o objetivo de resgatar a tradição”, pontua.

Foto: Angelica Brunatto/DN
Foto: Angelica Brunatto/DN
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Angelica Brunatto

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.