Mineiros têm encontro com Juiz

- PUBLICIDADE -

Marciano Bortolin

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Após entrar com ação na Justiça Federal de Criciúma e realizar uma manifestação em frente à sede da entidade em Criciúma, integrantes da Cooperminas se reuniram com o Juiz Paulo Aveline. “A nossa intenção foi sensibilizá-lo da situação que vive a cooperativa devido à quebra de contrato por parte da Engie (Tractebel). Ele foi neutro e disse que só irá tomar uma posição depois que receber a resposta da empresa”, explica o assessor jurídico da Cooperminas Chalton Schneider.

Os mineiros ingressaram com ação devido ao rompimento de contrato de compra de carvão em dezembro do ano passado. Com a decisão a cooperativa deixou de receber R$ 4 milhões por mês, o que gera diversos problemas a instituição, como o atraso dos salários dos cerda de 600 trabalhadores.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Marciano Bortolin
Em: Criciúma

NOTA: O DN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.